FANDOM


Nuvola apps bookcase
Este artigo é parte do Deslivros, a sua biblioteca livre de conteúdo.

Capítulo 1 — INTRODUÇÃOEditar

Como escrever um livro sobre a minha história, sem falar daquilo que fez meu sucesso?

A Introdução é o momento mais importante, pois é a hora em que o cliente homem põe o pau em minha xana toda arrombada tadinha tão apertada e virgem.

Por isso vamos começar essas 1001 noites com a tia Bru com uma gostosa introdução. Esse é meu perfil:

  • Bruna Surfistinha
  • 25 anos (de cama)
  • 92 peito
  • 90 bunda
  • 35cm alargamento vaginal

Essa história começa quando eu conheci um client... ops. rsrsrs. Sultão menor de idade e ele só dormia quando eu contava historinhas.

Capítulo 2 — O Sheik e seus 1000 aviõezinhosEditar

Era uma vez uma menina, uma menina com corpo de mulher... Corpo de mulher e atitude de vagabunda. Atitude de vagabunda e vontade de ganhar dinheiro. Foi assim que Sheirazedo al Jaké Dabulcetah, começou sua carreira nos prostíbulos de Allah.

Em um dia, no meio de seu primeiro show, estava tirando sua burca e viu entrar um jovem, mouro e com certeza bem dotado.Naquele momento se excitou e decidiu:


Sheirazedo se aproximou do príncipe e após realizar o Salã, foi discreta na cantada:


O príncipe se animou com a safadeza da puta paga cortesia da moça e chamou-a para seu palácio que ficava no Rio de Janeiro. Sheirazedo achou estranho, mas aceitou já que sua amiga falava mais alto.


Chegando ao palácio, Sheirazedo correu pra tirar a roupa e dar logo, porque já estava quase broxando de tanto que o negão falou sobre o Vasco. Mas:


Sheirazedo não entendia o porquê da rejeição.Queria dar...Só isso. E o príncipe não queria comer. Será que era tão feia assim? O príncipe explicou que não, mas que queria ter certeza que ela era boa mesmo. Para isso ela deveria dar para seus 1000 escravos aviõezinhos.

Sheirazedo achou pouco, já que durante sua infância trabalhou em um bordel na China, sendo a única mulher da casa. Mas ela não contava que o príncipe era da máfia angolana paulista e estava foragido no Rio de Janeiro. Seus amiguinhos deixariam Kid Bengala com depressão. Mas afinal, valeria a pena, pois daria para o príncipe pirocudo e havia uma pequena chance dela ainda sentir algo depois de ser destroçada por DPs e outras bizarrices.

Foram 7 dias de suruba, pois os escravos tinham feito vasectomia e a ordem era só sair de dentro depois dela beber tudo(como ela conseguiu não sei...). Depois do segundo dia foi fácil dormir dando.

Finalmente chegou a grande hora.

Sheirazedo se aproximou do príncipe, seu corpo fedia a porra. O príncipe como não era nenhum tipo de idiota disse:


Sheirazedo tomou 7 banhos, e após isso foi até o príncipe. Começou a tirar sua roupa e a do príncipe. Eram 46,5 cm de pica. Ele começou a se excitar, mas só teve tempo de falar em seu último suspiro tentando avisar:



Moral da história: Quando seu pau é muito grande ele pode usar sangue que seu coração e cérebro precisam.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.