FANDOM


Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

Ficheiro:Lapidedjp.jpg
Ficheiro:Pt-daltony.jpg

CAMPINAS, SP, Brasil - O mega-empresário, ator, roteirista, compositor, programor de softwares, desciclopediano, inventor e produtor de alimentos Dalmo José Peres, mais conhecido como Daltony, 56 anos, foi encontrado morto ontem no início da noite em sua mansão localizada num dos bairros mais nobres de Campinas.

A esposa do empresário e seus filhos, haviam saido para ir ao cinema e quando voltaram encontraram o empresário morto sobre a cama, com uma facada no peito e ao lado do corpo a faca provavelmente utilizada no crime. Ao lado do corpo também foram encontrados pacotes abertos de pão-de-queijo Daltony, um de seus produtos mais famosos.

A polícia civil já está investigando o caso. O delegado titular do 24o distrito de Policia Civil de Campinas, Antônio de Matos Silva, declarou que aparentemente se trata de suicídio, mas que as hipóteses de intoxicação (com pão-de-queijo), latrocínio e assassinato não são descartadas, pois o cofre foi encontrado aberto e vazio. Não se sabe se algum dinheiro foi roubado. As portas também não indicavam sinais de arrombamento. A hipótese de desciclopedicídio também não está descartada. Os peritos colheram impressões digitais na cena do crime, mas o laudo oficial só deve sair daqui a 15 dias.

Um funcionário das empresas de Daltony, cujo nome não pode ser divulgado por motivo de segurança, afirmou à polícia que ultimamente Daltony vinha sendo muito pressionado por "poderosos" grupos multinacionais do setor alimentício, que queriam forçá-lo a vender a fábrica e os segredos do famoso pão-de-queijo e biscoitos Daltony. O funcionário contou também que Daltony ultimamente andava nervoso e preocupado pois vinha recebendo telefonemas anônimos de pessoas que o ofendiam e xingavam, não se sabe se eram consumidores reclamando dos produtos ou concorrentes querendo intimidá-lo e forçá-lo a encerrar a produção.

A família conta que Daltony, apesar de seu suposto sucesso e enriquecimento advindo dos negócios, era um homem de hábitos simples e não se preocupava muito com segurança. Andava pela rua sem seguranças armados e não utilizada carros blindados, nem possuia arma de fogo.

O velório foi realizado durante toda a madrugada e início desta manhã no Cemitério Parque Flamboyant em Campinas. O Sepultamento ocorreu hoje as 10:30 da manhã, com a presença dos familiares e várias autoridades, amigos, parentes, vizinhos, funcionários das empresas de Daltony, e alguns desciclopedianos.

Daltony, deixa esposa Silvana (27), os filhos lindos e inteligentes Marcelo (do primeiro casamento) e Herlens, e as filhas Hirlana e Luana.

Fontes Editar

  • Jornal Correio Popular
  • Jornal Notícias Populares
  • EPTV Campinas
  • New York Times
  • Portal Globo.com
  • Portal Terra

Repercussão do caso na imprensaEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.