FANDOM


Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

CIDADE UNIVERSITÁRIA, Never Land -

Ficheiro:Greveusp2.jpg
Termina a greve geral de alunos, professores, trabalhadores e demais inúteis da Universidade de São Petesburgo.

Os grevistas admitiram sair da reitoria quando o governador José Serra admitiu ser um tucano muito mal e que nunca deveria ter ganho do PT para governado do estado.

A principal reinvindicação dos grevistas foi terem uma desculpa para matarem aulas e encherem um pouco mais o saco do governo Serra.

Fontes indicam que o motivo da desocupação foi que os ocupantes ficaram MORRENDO DE MEDO da "enorme" passeata organizada pela direita contra a ocupação, que reuniu "incríveis" 173 patricinhas e playboys, os quais QUASE conseguiam dar um abraço simbólico a Torre do Relógio!

Os manifestantes, contudo, declararam ter sido o movimento um sucesso:

Ficheiro:FestaComunistas.jpg
- A gente pudemos no prédio da reituria ter u lugar sussegadu pra puxar nossu basiado e fazê umas surubinhas (SIC) - disse um dos líderes do movimento, o estudante de gradução X. Y. W. Z. , com 52 anos, membro do DCE e estudante da USP há 30 anos.

Para celebrar o sucesso do movimento,uma grande suruba stalino-trotskista foi feita na praça do relógio. A juventude feminista trotskista ficou célebre por divulgar a revolução fora do campus dando o melhor de si para colocar os membros do operário-campesinato para dentro de sua causa.


Fontes Editar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.