FANDOM


Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

Ficheiro:MarcoFonsecaPCC.jpg

PRESIDENTE BERNARDES, SÃO PAULO, Brasil - Um dos namorados do vice-líder do PCC, Marco Fonseca se suicidou hoje depois de uma visita do MUF à penintenciária de segurança máxima de Presidente Bernardes, São Paulo. O nome do retardado não foi revelado, a pedido de sua família. As únicas informações disponíveis são o número da carteira de identidade (2469112411), o CPF (069112469691) e o Cadastro Único.

O fato que causou o suicídio do presidiário foi a recusa do seu namorado do pedido dele de parar a penetração anal, pois estava causando dores mórbidas no esfíncter do falecido. A mãe do presidiário avisou que vai processar o PCC e vai cobrar o dinheiro gasto com o velório do filho.

O namorado do MUF enfiou a coisa mais grossa que viu na boca (neste caso, o cacetete do guarda) e se asfixiou. Havia a suspeita de que ele era hemofílico, e que o seu namorado havia transmitido a doença.


Fontes Editar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.