FANDOM


O Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas é um guia criado pela União Européia usado nas escolinhas de idiomas para descrever os objetivos a serem alcançados pelos estudantes de línguas estrangeiras na Europa para não fazerem feio durante sua estada e evitarem ser deportados.

HistóriaEditar

NíveisEditar

O Quadro Europeu Comum divide o conhecimento dos alunos em três categorias, cada uma com duas subdivisões:

Em Português Europeu Em Português do Brasil
A Utilizador básico
A1 Inicial
A2 Básico
B Utilizador independente
B1 Intermédio
B2 independente
C Utilizador avançado
C1 Fluente eficaz
C2 Fluente estruturado
A Falante básico
A1 Iniciante
A2 Básico
B Falante independente
B1 Intermediário
B2 Usuário independente
C Falante proficiente
C1 Proficiência operativa eficaz
C2 Domínio pleno
Nível Descrição
A1 Pode entender e utilizar expressões familiares do dia a dia, bem como frases básicas direcionadas a satisfazer necessidades concretas (Bom, dia! ou Por favor, onde é o banheiro?, por exemplo). Pode se apresentar e responder perguntas na polícia sobre detalhes de sua vida pessoal como, por exemplo: onde vive, pessoas que conhece ou coisas que possui. Pode ainda interagir de maneira simples com nativos desde que estes falem pausadamente, de maneira clara e que estejam dispostos a ajudar.
A2 Pode entender frases e expressões relacionadas a áreas familiares ao usuário, como informações pessoais e familiares básicas, compras, geografia local, emprego. Pode se comunicar de maneira simples em situações familiares que requerem troca de informações curtas e precisas. Pode descrever de maneira superficial aspectos sobre seus conhecimentos, ambiente onde vive e necessidades imediatas.
B1 Pode entender os pontos principais sobre assuntos do dia a dia como trabalho, escola e lazer. Pode lidar com situações cotidianas no país onde a língua é falada (viagem de turismo). Pode produzir textos simples sobre áreas familiares e de interesse. Pode ainda descrever experiencias, eventos, sonhos eróticos, desejos sexuaise ambições de dominar o mundo. Além disso pode ainda opinar de maneira limitada sobre planos e discussões.
B2 É capaz de entender ideias principais de textos complexos que tratem de temas tanto concretos como abstratos, inclusive textos de caráter técnico se forem de sua área de especialização (como em outras Desciclopédias). Pode interagir com falantes nativos com um grau suficiente de fluência e naturalidade de forma que a comunicação ocorra sem esforço por parte de nenhum dos interlocutores (também nãovale usar Google tradutor ou Fish. Pode produzir textos claros e detalhados sobre temas diversos, assim como defender um ponto de vista sobre temas gerais, indicando vantagens e desvantagens das várias opções.
C1 É capaz de compreender uma ampla variedade de textos extensos e com certo nível de exigência, assim como reconhecer nestes, sentidos e idéias implícitas. Sabe expressar-se de forma fluente e espontânea sem demonstrar muitos esforços para encontrar uma palavra ou expressão adequada (basta memorizar um dicionário com 1000 palavras). Pode fazer uso efetivo do idioma para fins sociais, acadêmicos e profissionais. pode produzir textos claros, bem estruturados e detalhados sobre temas de certa complexidade, mostrando uso correto dos mecanismos de organização, articulação e coesão do texto. Capaz de entender por completo um filme sem legendas.
C2 É capaz de compreender com facilidade praticamente tudo que ouve e lê. Sabe reconstruir a informação e os argumentos procedentes de diversas fontes, seja em língua falada ou escrita, e apresentá-los de maneira coerente e resumida. Pode expressar-se espontaneamente com grande fluência e com um grau de precisão que lhe permita diferenciar pequenos matizes de significado, inclusive em situações de maior complexidade. Ou seja, será um estrangeiro completo.

Diplomas de língua extrangeira a disposição nos cursinhosEditar

Aqui uma lista de diplomas oferecidos pelos cursinhos como Cultura Inglesa ou Alliance Française, inclusive idiomas como galego ou russo e quizá até Klingon.

  • Teste de Inglês como uma Língua Estrangeira (TOEFL)
  • Teste de Inglês para Comunicação Internacional
  • Diploma de estudos na língua francesa (DELF)
  • Teste de Russo como língua estrangeira (TORFL)
  • Certificado de estudos de lingua galega (CELGA)
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.